Pesquisa







Fiquei dias pensando e pensando em como escrever uma resenha que demonstrasse a divindade desse livro! O conheci em um blog de literatura após ler uma resenha fantástica de como ela e seu livro mudaram a vida da leitora. Segundos depois estava na Saraiva adquirindo o livro: e foi o melhor livro que já li!
Preciso deixar claro que: 1)nunca tinha ouvido falar de Amanda e 2)muito menos quem era seu marido (Neil Gaiman) e 3)pensei que ela era conhecida realmente, como esses cantores de música Pop. Me enganei e me enganei novamente. O que fiz então? Antes de ler o livro, não busquei algo sobre ela, nem mesmo nome de sua banda, músicas e etc. Me advertia o tempo todo na ânsia de saber mais. Mas esperei pois o livro é autobiográfico e por que buscar frases soltas pela internet ao invés de aguardar o livro? Aguardei e me surpreendi centenas de vezes.



A arte de pedir é o primeiro livro da Amanda Palmer, autobiográfico, publicado pela Editora Intrínseca em 2015. Quando terminei o livro, a primeira coisa que me veio em mente foi: eu realmente precisava de uns tapas na cara dela! Ela sabe como ninguém abrir a sua cabeça e fazer com que saia de um quadrado para um mar sem fim de ideias.
" Pedir é, em essência. uma colaboração." pág 51
"Eu queria ser amada pelas músicas que compunha, pela conexão musical entre os pontos que vinha coletando e reunindo havia anos, que me mostravam como eu realmente era. Imperfeita. E barulhenta, muito barulhenta." pág 77 
Esse livro é escrito pela própria Amanda, narrado em primeira pessoa, que conta um pouco sobre sua vida e em como ela deixou de ter vergonha de pedir coisas as pessoas. Você vai encontrar a história do comecinho de sua banda, de seus empregos, principalmente o de estátua viva, e foi realmente aí, com esse emprego simples e difícil que ela percebeu que pedir é muito mais que mendigar como muitos acreditam. 
"Ficar na nossa própria casa pode ser uma coisa desgastante e sufocante, principalmente para um trabalho criativo. O ambiente pode asfixiá-lo com toda a bagagem do passado e a Sua História Pessoal." pág 144
Não é um livro de auto ajuda e é divertido, autêntico e inspirador. Cada história de Amanda nos deixa uma pequena e valiosa lição para a vida, sem ser maçante. E se você ama fazer anotações em livros e colar post its, então vai adorar! Se tem dó de rabiscar, então sugiro que tenha um caderno em mãos. Vai encontrar ótimos quotes nele.
"No fundo, todos os pedidos funcionam assim. Você precisa preparar o terreno. Se vai pedir algum dia, precisa ter alguém a quem possa pedir e que vá atender ao apelo. Então você cuida dos seus relacionamentos continuamente, persiste na tarefa lenta e constante, fica ali como um plantador fiel, cuida do broto de bambu invisível. E aí, quando for a fora - seja que pedir que um monte de gente encomende o seu álbum, ou para que alguém segure seu cabelo enquanto você vomita -, vai ter alguém ali para atender." pág 210

Quer um livro para enxergar realmente que pedir não é mendigar? Quer um livro para se inspirar para viver? Então esse é o livro! No livro também há letras de músicas com sua tradução em português e algumas fotografias. Aliás, todas as músicas da banda podem ser baixadas gratuitamente no site ou ainda, você pode contribuir com um valor que você pode pagar. Não é o máximo?
Ano: 2015 /Editora: Intrínseca / Páginas: 304 / Nota: 5:5 / 
Gostaram da dica de livro?
postado com amor por
  • Comente pelo Facebook!

    7 Comentários

    1. Que interessante, deve ser ótimo para pessoas um pouco orgulhosas, assim como eu ;)
      Não conhecia esse livro, nem mesmo a banda mas gostei de conhecer

      ResponderExcluir
    2. Oi, Camila
      Gostei do livro, achei-o bem interessante mesmo. Fiquei curiosa e vai para minha lista de desejos.

      Beijokas,
      DMulheres
      @dmulheres

      ResponderExcluir
    3. Não dá para explicar o quanto estou apaixonada pelo seu blog! Parabéns. <3

      www.kailagarcia.com

      ResponderExcluir
    4. Já ouvi falar do livro e já vi um vídeo de uma palestra dela, e agora lendo sua opinião deu mais vontade de ler o livro.:)
      Charme-se

      ResponderExcluir
    5. Assisti uma palestra da Amanda no TED (recomendo que veja, Mila!) e acho que até já indiquei a palestra dela na listinha que fiz no Sem Quases. Fiquei encantada e louca para ler o livro, mas acabei procrastinando. Depois dessa resenha, vou correr para adquirir o mais rápido possível! Adoro a sua sensibilidade e detalhes que emite.

      SEMQUASES.COM

      ResponderExcluir
    6. Eu realmente nunca tinha ouvido falar dessa mulher antes, mas as tuas palavras me deixaram muito curiosa, muito mesmo. Não sou muito fã de autobiografias, mas tem uns livros do gênero que são simplesmente fantásticos, né? <3

      Abraço,
      milenaschabat.blogspot.com

      ResponderExcluir
    7. OOi, eu não sabia que ela tinha um livro, eu vi um dia uma palestra dela no TED e gostei muito, como você falou a mulher me deu um super tapa na cara... Acho que super leria o livro, ela parece muito boa e eu precisava muito ser uma pessoa que pede mais, morro de vergonha de pedir para os outros e como a Amanda fala não tem nada de ruim de assumir para você mesmo e para os outros que precisamos de ajuda...

      Beijinhos Bi
      http://janeladela.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir

    Obrigada pela sua visita! Ela é muito importante.