Pesquisa








   Precisava mesmo soltar algumas fumaças. E decidi, então, que seria de noite, olhando as estrelas. Era assim que eu gostaria que fosse.
  Enquanto estava conversando online, percebi que precisava sair do meu quarto e ir além. Fazer algo que não havia feito antes. Mas, logo pensei que em casa, trancada ali, seria um pouco difícil. Abri minha lista de músicas que ouço pouco a ali estava uma com o nome 'star', estrelas, e eu a vi saltar da tela. Era um sinal, mesmo que pequeno.
   Como teimosia, ainda assim, deitei na cama para ficar pensando na vida. Para que? Não sei. Foi bem chato, confesso. Mas de repente dei um pulo e ali soube que deveria olhar as estrelas. Saí do quarto de pijama, calcei meu chinelo meio sujo e abri a porta. Em direção á cozinha, e depois da cozinha para fora. Fui direto para o mais fundo da casa, pois era onde quase ninguém me acharia, exceto claro, pelos meus cachorros. E sabe? Eu amaria tê-los comigo nesse momento. Busquei algo para amaciar minha cabeça e achei alguns tapetes velhos. Peguei alguns e saí correndo para deitar, no chão, não muito macio, mas que eu sabia que depois me inspiraria a escrever.
   Já descalça e sentindo um morninho saindo da calçada, arrumei os tapetes para me aninhar ali mesmo. Não posso deixar de contar meu medo de aparecer uma aranha caranguejeira! Mas tentei dissipar esse medo para poder pensar, relaxar... sentir a brisa morna que estava vindo até mim. E realmente: como estava morna nesse dia! Não gostei muito, queria mesmo um ventinho gelado mas não seria nesse dia.
   Afofei os tapetes com minha cabeça, coloquei as mãos na barriga e comecei a observar as estrelas. Procurei o cruzeiro, a estrela mais brilhante e também imaginei algumas coisas por lá, como as letras. Sim, letras. Achei algumas, e as outras creio que estariam ali por perto, se não fosse a claridade da cidade, talvez pudesse vê-las. Elas brilham e tanto gente! É tão lindo e aconchegante! E ainda mais que enquanto tudo isso se passava em minha cabeça, levei um susto com minha cadelinha lambendo minha bochecha. Talvez ela quisesse fazer parte do espetáculo. E a deixei ali, deitada do meu lado me lembando, mas prestando atenção nas coisas que dizia a ela.
   Foram vinte e dois minutos anestesiada enquanto ficava olhando cada luz. Cada pontinho pequeno ou grande, me fazia feliz. Simples assim. Uma felicidade singela demais que poucos conseguem sentir. Mas grande demais pois transborda tanto por dentro! Chega a vazar.
   Cansei. Pode acreditar que cansei um pouco. Mesmo com uma leveza gigante dentro do meu peito, cansei. Mas fora um cansaço feliz, desses que a gente quer repetir todos os dias, em todos os anos de nossas vidas. Foi assim, um tanto cansada que levantei, guardei os tapetes em seus lugares, desliguei as luzes e fui deitar.
   Ainda depois desses belos minutos, ainda fiquei mais um tempo deitada em minha cama, tentando absorver os sentimentos que vivi e jogar fora os que não eram bons. E de novo, aqui estou escrevendo para liberar, não aguento prender as palavras. Elas gritam muito. Mas foi restaurador, inspirador, libertador.

Gostaram do texto de hoje? Já experimentaram essa sensação?
Me acompanhe também:
Veja mais posts sobre:
postado com amor por
  • Comente pelo Facebook!

    22 Comentários

    1. Lindo. Quando vi que não havia nem um comentário até me surpreendi...
      Estrelas são perfeitas, as noites por aqui onde moro são nubladas então por vezes as estrelas acabam se escondendo, porém quando aparecem devem arrancar tantos sorrisos <3. Raras são pessoas que olham o céu menina, parabéns. (22 minutos então nem se fala kkk).
      Abraços,
      amordesegunda.blogspot.com

      ResponderExcluir
    2. Que texto mais lindo, totalmente inspirador, amei

      http://www.ericaresplandess.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    3. Olá, Camila! Tudo bem?
      Adorei o texto! Sempre fico encantado com a delicadeza que suas palavras são transmitidas. Mas enfim, deixe-me falar um pouco sobre o texto: Às vezes precisamos mesmo sair um pouco de nossa zona de conforto, basta apenas olhar algo tão lindo e envolvente como as estrelas, lua e céu... Daí em seguinte uma sensação se forma dentro de nós, a inspiração retorna e quando nos damos conta já estamos escrevendo compulsivamente com uma sensação boa e inexplicável no peito.

      Me identifiquei bastante com o texto!

      Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. estou bem e voce?
        Obrigada pelas palavras e por se inspirar no texto.
        Volte sempre...

        Excluir
    4. Que lindeza de reflexão! Nos mostra o quanto precisamos mais do interno do que do externo para grandes experiências, para grandiosos momentos! Simplesmente leve, belo e pesado simultaneamente.

      SEMQUASES.COM

      ResponderExcluir
    5. Olá, td bem?
      Vi seu comentário no blog Tofu Colorido referente aos produtinhos da Natura. Eu tenho uma lojinha online, caso tenha interesse em receber tudo em casa só acessar:

      http://casacomigopontocom.blogspot.com.br

      Entregam em qualquer lugar do país!

      Beeijos

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. estou bem e voce?Que bacana que possui loja..
        Vou conferir...

        Excluir
    6. Que texto leve, lindo <3
      São tão bons esses momentos que reservamos para entender e aproveitar o nosso interior! No meio de todo o caos do cotidiano muita gente esquece o quanto uns minutinhos de silêncio e tranquilidade fazem bem!

      Beijão!
      As Melhores Coisas

      ResponderExcluir
    7. Lindo texto <3
      Os melhores momentos são os mais simples <3
      http://www.charme-se.com/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. obrigada ..
        com certeza os mais simples *-*

        Excluir
    8. Seus textos sempre lindos Camila! <3 <3 <3

      http://naomemandeflores.com

      ResponderExcluir
    9. Adorei seu blog faça uma visitinha no meu também... Parabéns!!! http://projetocasacor.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    10. Oi tudo bem? estou visitando seu blog gostei muito e achei muito legal, que reflexão linda amei!!

      Já estou seguindo aqui se puder retribui vou ficar imensamente feliz de ter você lá no meu blog!! bjs

      http://www.maniasdekellen.com.br/

      ResponderExcluir
    11. o céu dá-nos uma calma e força que é difícil encontrar noutro sítio!

      ResponderExcluir

    Obrigada pela sua visita! Ela é muito importante.