Últimos posts

Pesquisa









Ás vezes penso que sou uma criança que ainda possui asas pequenas e raras. Que moro em um casulo sempre bem fechado, com sonhos guardados, com janelas entreabertas para ventilar um pouquinho de cheiro. Mas coisas assim não costumam acontecer, não comigo. Avistei, em sonho, um pequeno jardim, cuja fartura de flores ainda cobria todo aquele lençol. Um lençol que ouvi bagunçar as folhas de longe, muito branco. Aliás, foi a sua cor pura que meus olhos focaram-se. Quis me aproximar, aliás estava tão deslumbrada com ele, com tamanha brancura, tamanha doçura. O vento jogava os meus fios lisos para cima e para os lados, enquanto tentava andar fria no meio de tanta grama. 
Chegando mais ao longe, percebi que não era só sua cor que chamava a atenção de minhas pálpebras, que ao menos nem podiam mexer-se. Havia algo a mais que me fez levantar daquele sofá velho, todo rasgado, o qual estava lendo meu livro favorito, alguns favos de mel e tantos outros risos. Estava caminhando tão lentamente, talvez a ânsia de sentir o vento em minha pele fosse maior que a delicadeza do branco vibrante. 
Aproximando-me fui do tal visto, passos firmes, pele molhada de suor, um sol quente, um vestido de renda rosa bebê que havia me deixado mais branca que já sou, e descalça. Bem descalça. Dessas de não ter vergonha da sujeira pós caminhada e esquecer um pouco de ser tão delicada. Mas, gostaria de chegar o quanto antes, mas ainda assim não conseguia entender porque meus pés caminhavam tão lentamente em meio a tantos gravetinhos espinhentos. Pura criança estava sendo. Chegando mais perto, pude avistar que o lençol branco era também colorido, não consegui entender o motivo de apenas a cor branca chamar-me atenção. Não havia nada no lençol. Estava sujo, era colorido, aliás, com flores brancas, melhor dizendo, com rosas brancas, e no fundo do pano, havia um emaranhado de cores. Cores do céu, do arco-íris, da natureza. Cores minhas, cores imaginadas no livro que estava lendo, de novo. 
Olhei ao redor e nada. Nada parecia estar fora do lugar. Pássaros cantarolavam e voavam, nuvens carregadas de imagens me fizeram lembrar da infância, a folhagem rústica estava roçando o chão por causa da brisa, as árvores eram enormes e pareciam muito antigas com suas raízes bem atravessadas umas com as outras, ao lado havia algumas flores novinhas prestes a tornarem-se grandes flores, e o céu, como estavas lindo esse dia, um azul firme e leve, desses de querer tirar uma fotografia para ficar olhando depois.
Ainda com aquela sensação de satisfação e um riso frouxo nos lábios, voltei andando calmamente para a casa de meus avós, para terminar o livro, o qual, estava quase terminando. Até hoje não entendi o motivo daquilo ter chamado tanto minha atenção, e por mais pressa que estava de encontrá-lo, não conseguia caminhar rápido, meus pés pareciam travados em meio a grandeza da cor. Talvez o que dizem sobre a cor branca, sobre a pureza, seja verdade. Aconteceu, sei disso.
escrito com amor
  • Comente pelo Facebook!

    57 Comentários

    1. Que lindos Camila *uu*
      Super curti (:

      ~ Beijos ;*
      cantinhodaslovelys.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    2. Que lindo texto! As vezes me sito assim também...
      Beijos e uma ótima noite.

      http://cidocemulher.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    3. Amei o texto , sempre tem momentos da vida em que algum momento nos sentimos assim :3

      ~Beijocas na xexa~
      cha-de-boneca.blogspot.com

      ResponderExcluir
    4. Lindo texto, Camila. Sempre surpreendendo <3
      Beijos,

      marinaalessandra.blogspot.com
      @mariinaale
      @maioordeidade
      Instagram: @mariinaalessandra

      ResponderExcluir
    5. Que texto mais lindo!!!!!!!!!!!!!! :3

      Não conseguiu arrumar o dominio? Não recebi mensagens no face!

      Beeijos

      www.kvcomvoce.com

      ResponderExcluir
    6. 'Dessas de não ter vergonha da sujeira pós caminhada e esquecer um pouco de ser tão delicada'. Gostei muito do texto *u* inclusive esse trecho ^~
      Beeijos da Bliss-chan ;*

      hunter-of-dreams-and-smiles.blogspot.com

      ResponderExcluir
    7. Lindo Texto gostei :-) obg pela visitinha uma otima semana espero vc la xoxo
      http://fastfashionpink.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    8. Ótimo texto, Camila. As vezes algumas coisas acontecem, nos surpreendem e não sabemos explicar. Ainda mais quando são super simples né?

      Beijos
      Nathália ♦ Fashion Jacket
      www.fashionjacket.com.br

      ResponderExcluir
    9. Beautiful story enjoy reading it.
      http://tifi11.blogspot.com

      ResponderExcluir
    10. Não tem como não se identificar, amei.

      www.iasmincruz.com

      ResponderExcluir
    11. Que lindo texto flor! Você escreve tão bem!
      Bjkinhas...

      http://artedepintarunhas.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    12. Que lindo texto flor! Você escreve tão bem!
      Bjkinhas...

      http://artedepintarunhas.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    13. Que lindo texto flor! Você escreve tão bem!
      Bjkinhas...

      http://artedepintarunhas.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    14. Você escreve super bem, parabéns pelo texto.
      Boa quarta-feira!
      Fica com Deus!
      Beijo!

      http://nannacunha.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    15. Amei, vc escreve super bem!

      http://historiaimperfeita.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    16. Vejo a cor branca como cor de paz, de luz.. muito lindo seu texto Camila. Parabéns.
      Big Beijos
      Lulu on the sky

      ResponderExcluir
    17. Lindo texto, adorei.

      http://simpleseagradavel.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    18. Amei o texto, só vejo verdade em cada palavra... =D
      ansiedadefeminina.blogspot.com

      ResponderExcluir
    19. Que doçura!
      Sempre fico imaginando que o texto é verídico. É?
      Acho que não neh? rsrsrs Mas enfim!
      Parabéns viu.
      beijos
      http://www.biancagsnunes.com/

      ResponderExcluir
    20. Uaaau, que bonito!
      Nossa, eu adorei! *-*
      Beijos linda!
      contornoperfeito.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    21. Muito bom o texto. Sempre que vejo esses textos em algum blog, fico tentando adivinhar se é real ou não. Tem uns que poderia ter acontecido comigo hehehehhe.

      http://blogprefacio.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    22. às vezes as coisas mais estranhas nos chamam a atenção. Mas porque as melhores pessoas observam aquilo que pessoas normais não conseguem enxergar, pq não tem tempo, pq estão atoladas de trabalhos, coisas.
      Tantos elogiam, mas poucos enxergam. Tantos reclamam, mas poucos observam.

      Adorei esse texto
      M&N | Desbrava(dores) de Livros

      ResponderExcluir
    23. Tantas coisas estranhas nos chamam a atenção às vezes, que chega até a ser engraçado. Adorei esse texto.
      vestindo-ideias.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    24. Adorei o texto! Muito bonito :)

      http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br

      Beijoos ;*

      ResponderExcluir
    25. Que lindo gente! amei amei amei!
      Beijoos, Ana Carolina.
      http://simplesglamour.blogspot.com
      Instagram e Twitter: @simplesglamour

      ResponderExcluir
    26. texto super lindo! adoro como vc consegue passar a sensação através das palavras!

      Passando para desejar um ótimo dia!
      Liz<3
      The Red Lil' Shoes Blog
      http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    27. oi acabo de conhecer seu blog, e já estou adorando, muito lindo o texto você escreve muito bem

      bjs e sucesso
      tudoqueeuseiegosto.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    28. Olá flor, desculpe a demora para te visitar ^^

      Achei seu texto muito bacana, um devaneio lindo.

      Ah, eu vi que você agora tem domínio .com que chique rs

      (desconstruindoaspalavras.blogspot.com.br)

      ResponderExcluir
    29. Oi Camila,

      Mas que texto lindo, parabéns :)

      ResponderExcluir
    30. Adorei essa parte: Não havia nada no lençol. Estava sujo, era colorido, aliás, com flores brancas, melhor dizendo, com rosas brancas, e no fundo do pano, havia um emaranhado de cores. Cores do céu, do arco-íris, da natureza. Cores minhas, cores imaginadas no livro que estava lendo, de novo.

      Fofa demais.
      luxuriademenina.blogspot.com

      ResponderExcluir
    31. Cá (posso te chamar assim?!), fiquei arrepiada enquanto lia seu texto. Sinto falta de 'ser criança', e as vezes sou, mesmo sem perceber. Essa inocência acaba fazendo falta, não sei explicar. Mas é como se eu tivesse vivenciado tudo o que você citou. Aliás, acho que vivencio com constante frequência, em meus sonhos e lágrimas.

      Beijos,
      www.procurei-em-sonhos.com

      ResponderExcluir
    32. ain, você escreve de um jeito tão gostoso de ler! *-*
      Um beijão e até mais.

      www.queridaga.com

      ResponderExcluir
    33. Que leitura gostos de se ler, tenho que colocar esse quote do texto aqui, um dos mais lindos: Olhei ao redor e nada. Nada parecia estar fora do lugar. Pássaros cantarolavam e voavam, nuvens carregadas de imagens me fizeram lembrar da infância, a folhagem rústica estava roçando o chão por causa da brisa, as árvores eram enormes e pareciam muito antigas com suas raízes bem atravessadas umas com as outras, ao lado havia algumas flores novinhas prestes a tornarem-se grandes flores, e o céu, como estavas lindo esse dia, um azul firme e leve, desses de querer tirar uma fotografia para ficar olhando depois.
      PS : Adoro sua forma culta, mas de fácil entendimento para escrever, usa palavras cultas e elementos em seu texto nos fazendo senti o que se passa, se senti lá, junto ao personagem principal. Adorei. Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    34. Seus textos são lindos Camila ^^
      Excelente quinta!
      Beijinhos ;*

      bycarolinaa.com
      facebook.com/meudiarioescondido

      ResponderExcluir
    35. aí que lindo, amei! http://anavidadeestilista.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    36. É um fato da vida é, sempre haverá momentos onde nós iremos nos sentir assim uma criança indefesa e pequena *-*
      Amei esse texto!

      XOXO :D
      jovenclube.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    37. Como sempre, adoro ler textos inspiradores!
      Super beijo Camila!
      http://byschmith.blogspot.pt/2013/09/voltando-atras-no-tempo.html

      ResponderExcluir
    38. Que texto lindooo, super inspirador e bem escritoo! <3
      Você escreve muitoo beem, parabéns!
      Bisous,
      www.pequenomuffin.com

      ResponderExcluir
    39. Que lindo texto, parabéns!! Gostei bastante!

      Beijos
      Fashion Victim

      ResponderExcluir
    40. Muito lindo o texto. Super me identifiquei.
      cronicasdeumlunatico.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    41. Vim aqui de novo desejar um ótimo final de semana :)

      http://simpleseagradavel.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    42. Que texto lindo e bem escrito, Parabéens.

      www.escravasdamoda.com <3

      ResponderExcluir
    43. Que lindo amiga.. Lembrei-me de mim em determinada época.

      Participe do sorteio do BLOG com vários prêmios incríveis, entre eles um lindo papel de parede com a estampa na escolha da vencedora! Vem!!
      http://www.angelpoubel.com/2013/09/grande-sorteio-blog-angel-poubel.html

      Curta:
      https://www.facebook.com/BLOGAngelPoubel?ref=hl

      Big Beijo ;*
      www.angelpoubel.com

      ResponderExcluir
    44. Parecia um cenário de filme. Quase senti o perfume das rosas e o vento a soprar. Muito bonito. Um abraço Camila

      ResponderExcluir
    45. adorei o texto!
      bjos e boa semana

      www.juhduartenails.blogspot.com.br
      www.lojinhadajuh.loja2.com.br

      ResponderExcluir
    46. Que lindo!!!
      Adorei este post ^^
      Beijos
      Tamires C.
      http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    47. Que texto hein? Eu adorei, tu escreve muito bem, sério!!
      Beijos

      http://papodajess.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    48. Uau, adorei passear por seu texto e no fim pude sentir como você. Arrasou!
      Bjus

      Rafa
      Rafaelando.com

      ResponderExcluir
    49. Que lindo! *-* Amiga estava com saudades, dei uma sumida porque o blog estava em reforma, mas agora já voltei graças a Deus. O que tem feito de bom? :D beijos; aboutgarota

      ResponderExcluir
    50. Que perfeito o texto, as vezes temos momentos assim mesmo né?

      http://newsdayoff.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    51. A gente se encarna numa sensação tão bem descrita assim. A contemplação dela escapole os nossos olhos e ficamos a mercê do que ela sente também. A leitura é suave, e tão doce que projeta em nós as sensações por ela sentidas e o encanto por ela visto. Lindo Cá! Que texto delicado e tão inspirador. Amei de verdade.

      :)

      Olha, sentia saudades daqui. Depois de toda a loucura do lançamento do livro, de ter me dedicado a ele, voltei também desde a semana passada.
      Sinto sua falta por lá meu anjo. Aparece lá.

      Beijo!!!

      ResponderExcluir
    52. Muito inspirado seu texto!

      beijos.
      www.deep-luv.com

      ResponderExcluir
    53. MEU DEUS que texto mais gostoso de ler!
      "Chegando mais ao longe, percebi que não era só sua cor que chamava a atenção de minhas pálpebras, que ao menos nem podiam mexer-se. Havia algo a mais que me fez levantar daquele sofá velho, todo rasgado, o qual estava lendo meu livro favorito, alguns favos de mel e tantos outros risos."
      U-A-U literalmente fofa!
      Aah isso mesmo!
      Um beijo!
      Pâm - interruptedreamer.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
    54. Que texto lindo.Parecia que eu estava nesse lugar, sentindo o que ela sentia.

      ResponderExcluir

    Obrigada pela sua visita! Ela é muito importante.