Pesquisa







Enquanto sussurrava nas teclas do piano, meus olhos com os seus olhos tocaram-se em um breve segundo. Foste suavemente forte o bastante para fazer-me derramar uma lágrima. Emoção, tremor,  palpitação...
Seu cabelo balançava com a brisa que vinha da janela, sua pele branca acendia o esplendor das batidas do meu coração, o som pacífico que transmitia-me não era ilusão. Sua bochecha cheia de vergonha dizia-me que ali havia um belo e doce coração, pois quem havia de se envergonhar tocando para mim? Percebi em seus dedos toques delicados de um homem meigo.. gentil, e conforme a música enchia minha alma de leveza, percebi o quão perfeito éramos os dois .




postado com amor por
  • Comente pelo Facebook!

    39 Comentários

    1. Que belas palavras que aqui colocou, gostei muito deste seu post. :)*

      ResponderExcluir
    2. Tão suave quanto o som de um piano

      ResponderExcluir
    3. Muito lindo, imaginei a linda cena (:

      ResponderExcluir
    4. Como sempre, me emocionando com a forma que escreve... Muito bom! Parabéns!

      ResponderExcluir
    5. Este comentário foi removido pelo autor.

      ResponderExcluir
    6. VISITE SE PUDER

      http://tepegonamoita.blogspot.com/

      ResponderExcluir
    7. Muito lindo. Tão delicado quanto tocam os dedos em um piano...

      ResponderExcluir
    8. Como é bom se sentir assim, preenchida, querida e amada. *-*

      ps.: Te aceitei no skoob e no twitter! ;D

      ResponderExcluir
    9. então querida ? um dia , tudo se recompõe (:

      ResponderExcluir
    10. eu sei que sim, pelo menos assim espero*

      ResponderExcluir
    11. Ter eu tenho mas não costumo andar por lá, no entanto aqui fica: PaulooSiiilva .

      ResponderExcluir
    12. Um sonho..?
      Um desejo...?

      Vale a pena acreditar e tudo pode acontecer...

      ResponderExcluir
    13. Este comentário foi removido pelo autor.

      ResponderExcluir
    14. Lindo amiga, você escreve com delicadeza e leveza incomparáveis...

      ResponderExcluir
    15. Bem compreendo, é que pensar é misturar sempre às palavras um venenozinho de arrependimento e medo *

      ResponderExcluir
    16. Talvez seja esse um dos grandes passos que me falta!
      Gostei muito do texto :)

      ResponderExcluir
    17. que lindo e poético, querida.
      bjOus

      ResponderExcluir
    18. Sou muito fã de textos assim. Adoreu aqui!

      ResponderExcluir
    19. escrever bem e falar de amor e musica
      poxa dizer
      o que primeira otima visita aqui

      ResponderExcluir
    20. Belas palavras.

      Adoro ler o que escreves.

      bjoo

      ResponderExcluir
    21. Que lindo. Enquanto lia, se passava um filme em minha mente, imaginando tudo isso que você escreveu.
      Blog muito fofo. Um beijo.

      ResponderExcluir
    22. Lindo. Um amor que passeia na delicadeza. Em olhares ternos e toques sutis. Um desenho traçado com a ponta de dois corações.


      Belíssimo!

      Beijo!

      ResponderExcluir
    23. Sempre passo aqui e leio, mas hoje preciso comentar para deixar aquele abraço especial de fim de ano.
      Entro de férias, então, até 2012, com muita energia positiva.

      Boas Festas!

      ResponderExcluir
    24. Muito lindo aqui. saudade ;***

      ResponderExcluir
    25. TU SERÁS SEMPRE LINDA por fora e por dentro!

      ResponderExcluir
    26. Magnífico! sua sensibilidade atravessa deliciosamente o pensamento da gente. te seguindo pra voltar, com, certeza! e te convido a conhecer meu cantinho e se gostar fique também.
      http://rose-sousacoracaodefera.blogspot.com/
      beijos!

      ResponderExcluir
    27. Parabéns moça, realmente suave e leve como o tocar de um piano.

      Obrigado pela visita no meu blo e sempre que quiser:

      http://blogagenor.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir

    Obrigada pela sua visita! Ela é muito importante.