Pesquisa







      Recorda-se daquele dia em que uma lágrima de teus olhos escorreu? Eu estava tão absorta de mim mesmo que nem pude recorrer aos fatos e comecei a limpar-te, devagar, e rapidamente suas lágrimas começaram a fazer parte de mim. Lia e relia sua face,t ão precioso era sua mão quando agarrava-se a minha, pedindo mais alguns minutos de companhia. Estava sendo uma partida de almas, mas não de coração. Podia ainda sentir as batidas incessantes de teu pensamento em meu rosto que estava mais abaixo, sentindo tudo o quanto podia antes de sair, sem olhar para trás. E na real mesmo, não consegui olhar para trás e se eu olhasse não veria nada, pois meus olhos estavam impedidos por causa das lágrimas.
      O que eu não faria para poder-te ver novamente? Olhos pequenos, face expressiva, pele macia, cheiro agradável. É assim que tenho a ti em mim, todos os dias quando viro ao lado e vejo um casal apaixonado. Sinto doer meu peito, aperta a saudade, machuca cada órgão do corpo e sinto uma ponta de felicidade em saber que tenho a ti mesmo longe, mesmo diferente.E  mesmo com tantas desavenças, e por vezes a fiz sentir vontade de não mais a mim possuir...Óh, como eu queria estar contigo mais uma vez.




postado com amor por
  • Comente pelo Facebook!

    14 Comentários

    1. "O amor será sempre o amor, não há palavras no qual possa expressa-lo, nem valores que chegem aos seus pés. O amor será sempre o amor"

      (Claudio Humberto)

      Lindas palavras!!

      ResponderExcluir
    2. Fiquei com a dúvida: Será que é amor?
      Resta apenas a gostosa saudade...
      Beijos
      Juliane

      ResponderExcluir
    3. saudade, dói mesmo :\ o blog tá lindo *-*
      beeijo

      ResponderExcluir
    4. Lindas palavras Camila.
      E o que seria o amor se nao a contradiçao que ele mesmo se dá.
      Beijo

      ResponderExcluir
    5. Nossa, que post perfeito!!!
      Muito lindo, maravilhoso, legal demais!!!
      bjos

      ResponderExcluir
    6. ah, esqueci de dizer no post anterior...
      estou seguindo seu blog..rsrsrs
      bjos

      ResponderExcluir
    7. Muito linda a postagem.
      Ótimo tema para se comentar...
      Parabéns!
      Beeeeeeeeeeeeijos (:

      ResponderExcluir
    8. a dores que fazem a gente crescer.
      beijos e fica bem

      laislabonitta.blogspot.com

      ResponderExcluir
    9. Texto encantador. Que na intensa maneira de querer, sempre vai estar ali escondidinho a vontade de voltar a abraçar aquele amor...

      O amor?
      É o oxigênio que tu respira.

      =)

      ResponderExcluir
    10. Eu também queria estar com ele mais uma vez, nem que fosse 5minutos! Beijo

      ResponderExcluir
    11. Uma das coisas mais bonitas que li nos ultimos dias, e olhar pra trás só faria cairem mais lágrimas, relembrar machuca... mas não dói tanto quanto olhar pra trás.

      ResponderExcluir
    12. Quanta expressividade, quanto sentimento e quanto amor. Se sente falta, por que não volta atrás? Sofrer por um amor que é correspondido? Por quê? Amar é tão bom, nos tira qualquer sofrimento. Ame e vivam juntos.

      Um beijo.

      ResponderExcluir
    13. Sempre com a sensilidade nas palavras, hein Camila?
      O amor tem dessas coisas, nem sempre estar distante de quem amamos significa solidão.

      Beijos.

      ResponderExcluir

    Obrigada pela sua visita! Ela é muito importante.